Pular para o conteúdo principal

Museu recebe projeto de acessibilidade


O Museu Histórico Pedagógico Índia Vanuíre, instituição da Secretaria de Estado da Cultura administrada em parceria com a Associação Cultural de Apoio ao Museu Casa de Portinari (ACAM Portinari), tem o prazer de apresentar o seu novo Programa de Acessibilidade, implantado na exposição de longa duração “Tupã Plural”. O objetivo dos materiais é ampliar a participação e compreensão dos conteúdos, principalmente para os públicos com deficiências, sejam elas visuais, auditivas, físicas e intelectuais.

Elaborado pela museóloga e doutora pela Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (USP), Amanda Pinto da Fonseca Tojal, a ação inclui - em pontos estratégicos dos núcleos expositivos do museu – objetos multissensoriais, como maquetes, reproduções em relevo e réplicas de objetos etnológicos que poderão ser apreciados não somente de forma visual, mas também por meio da sensibilidade do toque e de outros sentidos. O investimento para a consolidação do programa, feito pelo Governo do Estado de São Paulo, foi no valor de R$ 210 mil reais.

Complementa o projeto a adaptação dos vídeos apresentados na exposição, incluindo audiodescrição para pessoas com deficiência visual, além de legendas em português e apresentações em Libras (Língua Brasileira de Sinais) para pessoas surdas ou com deficiência auditiva. Dessa forma, a ação compreenderá o atendimento do público com deficiência, que poderá agendar visitas mediadas por educadores capacitados.

Além dos materiais de acessibilidade para a exposição “Tupã Plural”, o museu está fisicamente apto para receber o público deficiente. Possui corrimãos, rampas, banheiros adaptados e piso tátil, além de uma programação específica para o público com deficiência, desenvolvida em parceria com a Clínica Dom Bosco, o projeto “Museu e Cidadania”.

A implantação do Programa de Acessibilidade é mais uma importante contribuição para a socialização dos espaços culturais e museológicos e pode ser considerada uma referência em museus do Estado de São Paulo.

Fonte: Brasil Turis

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

HAPPY LIFE PARTICIPA DE EVENTO SOBRE A LBI.

Audiodescrição foto de Natália Betto.: Foto em detalhe mostrando Natalia Betto ao lado do banner do evento. Natalia é branca, tem 1,65m, cabelos pretos lisos, na altura dos ombros, está de blusa azul, usa calça e sapatos pretos. Ela está em pé, com a mão esquerda sobre a perna. O braço direito está flexionado e a mão espalmada para cima mostra a logomarca “Dialogs for Inclusion” no banner. No canto superior direito da foto, em branco, está a logo da Happy Life. Fim da descrição. Uma empresa em fase de crescimento precisa alimentar boas ideias e se alimentar delas. Foi exatamente isso que fez a Happy Life na última sexta-feira, 25 de novembro de 2016., ao participar do Dialogs for Inclusion, experiência de benchmarking à luz da Lei Brasileira de Inclusão – LBI. O evento faz parte do projeto Saber Para Incluir, da Diversitas e teve como anfitriã a Dow Química, que recebeu em seu site no Condomínio Rochaverá, um seleto grupo com profissionais de 12 empresas: Bayer, Cetelen, DSM, Ha
A Happy Life esteve à disposição durante o período do salão do automóvel para realizar o transporte de pessoas com deficiência física ou mobilidade reduzida. O transporte era gratuito aos   e as saídas aconteceram da estação Jabaquara do Metrô (Na Rua Anita Costa, Nº 98) e na estação Imigrantes do metrô (Rua Engº Guilherme Winter) para o Centro de Exposições São Paulo Expo.

Depoimento Especial - Carta de Agradecimento FCD

Gostaríamos de compartilhar com vocês uma carta de agradecimento que recebemos da  FCD/BR – Federação das Fraternidades Cristãs de Pessoas com Deficiência do Brasil, referente ao atendimento realizado no dia 28 de abril de 2017. Obrigada amigos pela mensagem!!! Nós que agradecemos pela preferência e carinho com a nossa equipe. Até o próximo  Happy Transporte ! =) Segue texto da carta: São Paulo, 04 de maio de 2017. Caros amigos e amigas da Happy Life. Paz e Bem! A FCD/BR – Federação das Fraternidades Cristãs de Pessoas com Deficiência do Brasil – FCD(BR),  organizada juridicamente, é um movimento   ecumênico de evangelização  e promoção humana, tem por objeto valorizar a essência da pessoa com deficiência, destacando suas capacidades, buscando uma renovação cultural das próprias pessoas com deficiência, seus familiares, sociedade e governos, provocando com isso a verdadeira inclusão social. Migrada da França onde foi fundada em 1945, pelo Monsenhor Henri François, f