Pular para o conteúdo principal

Sobram vagas para pessoas com deficiência em São Paulo.

Média de oportunidades é alta neste ano. Porém, a baixa qualificação profissional faz que apenas 46% dos postos de trabalho sejam de fato preenchidos no estado.
Mão segura carteira de trabalho
A falta de mão de obra qualificada atinge também as empresas que procuram profissionais com algum tipo de deficiência (física, auditiva, visual, mental ou múltipla).

Na segunda-feira (1), a Sert (Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho)Site externo. divulgou levantamento que mostra cadastradas noestado de São PauloSite externo. 2.565 vagas para pessoas com deficiência. Segundo a instituição, essa é a média mensal de vagas, mas ela supera várias outras categorias e o número total de vagas por regiões do estado, como a de Ribeirão PretoSite externo. (1.534). 

Poucas preenchidas
A Lei de Cotas (8213/1991), que regula a contratação de pessoas com deficiência em empresas com 100 ou mais funcionários, completou 20 anos no dia 24 de julho.

No entanto, dados do Ministério do TrabalhoSite externo. apontam que apenas 25% das vagas que deveriam ter sido criadas de fato foram preenchidas. No estado de São Paulo, a situação é um pouco melhor, e o índice chega a 46%. A explicação para esses baixos números é a baixa qualificação profissional.

Secretaria dos Direitos da Pessoa com DeficiênciaSite externo. quer dar incentivos fiscais às empresas que comprarem produtos e equipamentos tecnológicos que facilitem a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho, uma forma de tentar empregar mais pessoas. Até o fechamento desta edição, a secretaria não enviou informações sobre o andamento desse projeto ou outras propostas para o assunto.

Segundo o Ministério do Trabalho, de 2007 a 2010, caiu o número de deficientes empregados. Na média nacional, a remuneração para um deficiente físico é de R$ 2.025,96.

Programa oferece cursos gratuitos
O PEQ (Programa Estadual de Qualificação Profissional) sempre destina uma parte das vagas para pessoas com deficiência, mas o governo do estado de São Paulo ainda não definiu qual será o número total de vagas para o segundo semestre. Para se inscrever, a pessoa deve ir até um PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador), com documentos em mãos, ou entrar no sitewww.emprego.sp.gov.brSite externo. e ir no ícone do Emprega SP, preencher o cadastro e selecionar cursos de qualificação.

Fonte: http://www.redebomdia.com.brSite externo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

HAPPY LIFE PARTICIPA DE EVENTO SOBRE A LBI.

Audiodescrição foto de Natália Betto.: Foto em detalhe mostrando Natalia Betto ao lado do banner do evento. Natalia é branca, tem 1,65m, cabelos pretos lisos, na altura dos ombros, está de blusa azul, usa calça e sapatos pretos. Ela está em pé, com a mão esquerda sobre a perna. O braço direito está flexionado e a mão espalmada para cima mostra a logomarca “Dialogs for Inclusion” no banner. No canto superior direito da foto, em branco, está a logo da Happy Life. Fim da descrição. Uma empresa em fase de crescimento precisa alimentar boas ideias e se alimentar delas. Foi exatamente isso que fez a Happy Life na última sexta-feira, 25 de novembro de 2016., ao participar do Dialogs for Inclusion, experiência de benchmarking à luz da Lei Brasileira de Inclusão – LBI. O evento faz parte do projeto Saber Para Incluir, da Diversitas e teve como anfitriã a Dow Química, que recebeu em seu site no Condomínio Rochaverá, um seleto grupo com profissionais de 12 empresas: Bayer, Cetelen, DSM, Ha
A Happy Life esteve à disposição durante o período do salão do automóvel para realizar o transporte de pessoas com deficiência física ou mobilidade reduzida. O transporte era gratuito aos   e as saídas aconteceram da estação Jabaquara do Metrô (Na Rua Anita Costa, Nº 98) e na estação Imigrantes do metrô (Rua Engº Guilherme Winter) para o Centro de Exposições São Paulo Expo.

Depoimento Especial - Carta de Agradecimento FCD

Gostaríamos de compartilhar com vocês uma carta de agradecimento que recebemos da  FCD/BR – Federação das Fraternidades Cristãs de Pessoas com Deficiência do Brasil, referente ao atendimento realizado no dia 28 de abril de 2017. Obrigada amigos pela mensagem!!! Nós que agradecemos pela preferência e carinho com a nossa equipe. Até o próximo  Happy Transporte ! =) Segue texto da carta: São Paulo, 04 de maio de 2017. Caros amigos e amigas da Happy Life. Paz e Bem! A FCD/BR – Federação das Fraternidades Cristãs de Pessoas com Deficiência do Brasil – FCD(BR),  organizada juridicamente, é um movimento   ecumênico de evangelização  e promoção humana, tem por objeto valorizar a essência da pessoa com deficiência, destacando suas capacidades, buscando uma renovação cultural das próprias pessoas com deficiência, seus familiares, sociedade e governos, provocando com isso a verdadeira inclusão social. Migrada da França onde foi fundada em 1945, pelo Monsenhor Henri François, f